quarta-feira, 27 de julho de 2016

CALAFRIO (Resenha)

Boa tarde, hoje trago a resenha do livro Calafrio, demorei muito pra ler esse livro porque tive que passar uns livros de parceiros na frente dele. Mas até que enfim hoje saiu a resenha confiram:
      #MLI2016                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                        
                       CALAFRIO – Os Lobos de Mercy Falls / Série 1                              
                    Autor: Maggie Stiefvater
Editora: Agir
Páginas: 348

SINOPSE: Quando chega o inverno, Grace é atraída pela presença familiar dos lobos que vivem no bosque atrás de sua casa. Ela espera ansiosamente pelo frio desde que fitou pela primeira vez os profundos olhos amarelos de um dos lobos e sobreviveu ao ataque de uma alcatéia. Esses mesmos olhos brilhantes ela encontraria mais tarde em Sam, um rapaz que cresceu vivendo duas vidas: uma normal, sob o sol, e outra no inverno, quando vestia a pele do animal feroz que, certa vez, encontrou aquela garota sem medo. Tudo o que Sam deseja é que Grace o reconheça em sua forma humana, e para isso bastaria que trocassem um único olhar. Mas o tempo de Sam está acabando. Ele não sabe até quando manterá a dupla aparência e quando se tornará um lobo para sempre. Enquanto buscam uma maneira para torná-lo humano para sempre, têm de enfrentar a incompreensão da cidade, que vê nos lobos um perigo a ser combatido.                          
Primeiro livro da série Os Lobos de Mercy Falls, Calafrio é a história de dois jovens que aceitam correr todos os riscos pelo amor, até mesmo o de deixarem de ser quem são. 

GRACE é uma personagem bem marcante e enigmática nessa história, foi praticamente criada sozinha por seus pais não lhe darem a divida atenção, aluna exemplar que nunca se meteu em encrenca alguma.
 Seus pais eram ocupados demais para se lembrar que tinha uma filha, e quase sempre Grace era quem fazia as jantas da casa. Sua mãe era artista, pintava quadros e seu pai era corretor de imoveis.

Mercy Falls era uma cidade rodeada de lobos , pois era cercada por densas florestas, moradia dos lobisomens como era de costume chamar.
Certa vez quando criança , Grace foi atacada por uma matilha de lobos quando estava em seu quintal brincando em um balanço, mas por sorte, um dos lobos do bando conseguiu salva-la e nunca mais ela esqueceu daqueles olhos profundos e brilhantes. 


"Em choque apenas olhava os focinhos sujos de sangue até que um dos animais se aproximou o suficiente para que pudessem ver seus olhos. Imersa na dor, Grace fixou os grandes olhos amarelos e não se lembrou de mais nada.''

 SAM é um garoto lobinho rs, e super gatinho por sinal, foi ele que salvou Grace quando os outros lobos a atacaram, ele apareceu nu, sim galera, como Adão ,só que não tinha a folha não tá kkk, na porta de Grace quando foi atingido por um tiro, mas em forma de humano. A partir desse dia ela acolhe Sam e passa a conhecer mais sobre esse garoto de olhos amarelos pelos quais ela esperava ver todo inverno, principalmente no natal, apaixonadamente.
O sonho do garoto é poder ter uma vida normal, pois sua natureza o torna melancólico.
Será que Sam conseguira ficar humano para sempre ? E Grace? Ela foi mordida, será que um dia também se transformará?

"E então eu abri meus olhos e era só Grace e eu - nada em lugar algum a não ser Grace e eu - ela pressionando seus lábios juntos como se quisesse guardar meu beijo dentro dela, e eu, segurando esse momento que era frágil como um pássaro em minhas mãos."

Eu gostei de como a autora descreveu os lobisomens, nada de criaturas feias, assustadoras, e ao invés disso, lobos que  hora humanos  hora lobos, com sentimentos, com um passado e cada uma com uma história de vida , umas tão tristes que acham melhor levarem a vida como lobos mesmos. A amizade entre alguns lobos são bem marcantes no enredo também.
O livro é um romance bem levinho e envolvente, porém tem certas partes que se tornam bem enfadonhas , outro motivo pelo qual demorei ler, mas super recomendo essa leitura, é um livro bom. Não tem como não se apaixonar por Sam. Já estou ansiosa para ler o segundo livro da série.

                                                       Beijocas amores....








4 comentários:

Deixe aqui seu comentário.
Obrigada, volte sempre!